Grand Lakes revela suas estratégias para liderar mercado de caminhões em Angola

Em podcast da VWCO, Geraldo Kulaif orienta como fidelizar o cliente

0

As boas perspectivas do mercado de Angola para os produtos da Grand Lakes Veículos nos próximos anos foi um dos destaques da participação de Geraldo Kulaif, no podcast VWCO, desenvolvido pela equipe de comunicação da Volkswagen Caminhões e Ônibus. Kulaif comanda a empresa angolana, subsidiária da Adone Holding, concessionária da VWCO desde 2007 e líder de mercado na região há 10 anos.

O executivo participou do bate-papo sobre internacionalização da marca, presente em 30 países, ao lado de Juliano Ruggieri, gerente comercial da montadora na Argentina, e Fernando Amoroso, gerente da VWCO no Brasil.

Os profissionais compartilham alguns desafios, como a meta de conquistar novos mercados e clientes globalmente. A diferença está na estratégia. Na conversa, Kulaif revelou que a Grand Lakes chegou à liderança do mercado angolano investindo num pós-venda bem estruturado.

Leia Também
1 De 388

Geraldo Kulaif - Grand Lakes Veículos

Ouça aqui:

https://spotify.link/dTVeYdCD8Db

 

Durante o bate papo, o diretor da Grand Lakes destacou a importância do planejamento. A empresa selecionou um grupo de modelos pensando no uso necessário na região, na logística da importação, nas peças de reposição e no treinamento especializado para encantar o cliente durante e depois da compra. “Investimos muito no pós-venda, tendo hoje uma equipe de 200 colaboradores, sendo 80 mecânicos treinados pela Volkswagem Caminhões que passam por uma reciclagem anual promovida pela marca”, enfatizou. “E num galpão com 3,5 mil metros quadrados temos um estoque de peças para reposição avaliado em US$ 8 milhões”, complementa.

 

Dependência do petróleo

Kulaif analisou a situação atual do mercado angolano, afetado pela volatilidade relacionada ao petróleo. O país é um grande produtor africano. “O próximo ano, porém, aponta para melhora nas vendas, e estamos trabalhando para nos manter na liderança”.  A Grand Lakes Veículos recebeu recentemente o prêmio “Destaque de Inovação – Programa de Alta Performance”, concedido anualmente pela VWCO aos importadores da América Latina e África.

 

A empresa

Com sede em Luanda, a companhia pertence à Adone Holding e atua no segmento de veículos pesados no continente africano desde 2007, com uma concessionária na capital Luanda e uma filial em Catumbela, na província de Benguela. Em junho deste ano inaugurou mais duas filiais – uma na província de Cabinda e a outra na província de Huila. A empresa é uma dealership oficial da marca Volkswagen Caminhões e Ônibus, dentre outras marcas complementares para o segmento.

Na capital Luanda, possui também uma loja de autopeças no bairro do Patriota, onde os itens mais vendidos são filtros, válvulas, freio, embreagem e rolamentos, entre outros.  “Nossa expansão integra o plano de gerar cada vez mais empregos em Angola, baseados na excelência do atendimento aos clientes”, explica o diretor da Grand Lakes.  Além de ônibus e caminhões, as unidades oferecem ao cliente a comodidade de comprar peças a acessórios originais VW. São mais de 8.600 itens, que podem ser adquiridos pessoalmente ou por meio de serviço de entrega em todo o território angolano.

A Grand Lakes trabalha, desde 2019, em parceria com o governo local e especialistas em tecnologia e mobilidade no Projeto de Transporte Urbano Regular de Passageiros (TURP), cujo objetivo é mapear e definir as principais rotas operacionais e selecionar paradas de ônibus urbanos e interprovinciais, possibilitando o transporte diário de milhares de pessoas. “Nosso principal objetivo estratégico com estes terminais é oferecer, além do transporte de qualidade, a segurança e melhoria na vida de uma população que tanto precisa”, ressalta Kulaif.

Desde março de 2022, a empresa participa também do Programa Integrado de Desenvolvimento do Comércio Rural (PIDCR), liderado pelo governo federal. O objetivo é melhorar o escoamento dos produtos do campo para as áreas de consumo e impulsionar o crescimento do setor rural. “Esse programa tem potencial para gerar mais de 5.000 empregos indiretos”, diz Kulaif. Os 200 veículos entregues pela Grand Lakes são subsidiados pelas autoridades locais aos produtores rurais e distribuídos por todo o país.

Há 17 anos, a coleta de lixo em Angola é realizada com os caminhões comprados da Grand Lakes, que também fornece assessoria técnica ao governo para operacionalizar o serviço.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Show Buttons
Hide Buttons