Hutrin utiliza raio x digital para melhorar diagnóstico por imagem

Tecnologia aumenta a segurança e a satisfação do paciente que com código de acesso entra no site e visualiza o exame

0

O Hospital Estadual de Urgências de Trindade (Hutrin), Goiás, modernizou o atendimento com a implantação de um novo aparelho de Raio X digital. O novo equipamento digital chegou para melhorar o diagnóstico por imagem e dar mais segurança para pacientes e ao corpo clínico. “O médico recebe, mais rápido, uma imagem muito melhor do que antes, quando precisava revelar o filme. E para o paciente é mais fácil acompanhar o laudo porque ele recebe um QR code no celular e já abre com o diagnóstico”, explica Getro de Oliveira Pádua, diretor do Hutrin.

Segurança

O novo equipamento está na mesma sala onde antes eram revelados os filmes radiográficos, mas ocupa menos espaço. “Também não tem cheiro, não usa produtos químicos e é muito mais seguro para mim que opero o equipamento”, ressalta Luiz José da Silva, técnico em radiologia, que recebeu treinamento para trabalhar com o equipamento que tem sensores ligados ao computador, telas de LED e impressora.

Leia Também
1 De 221

Benefícios

A troca do equipamento traz inúmeras vantagens para os usuários do hospital, dentre elas,  diminuição de resíduos, melhoria no armazenamento das informações, rapidez no diagnóstico, diminuição dos custos, menor exposição dos profissionais a agentes químicos. “É importante dizer também que os exames digitais exigem uma carga muito menor de radiação, tornando o ambiente muito mais seguro, tanto para o paciente quanto para o operador do equipamento”, ressalta Getro de Oliveira Pádua.

Radiologia Digital

A radiologia digital difere da tradicional em muitos aspectos, a começar pela forma como é feita a captação da imagem: utilizando sensores de raio-x digitais no lugar dos tradicionais filmes radiográficos. O método exclui o uso de vários produtos químicos para a impressão da imagem. Ela é projetada diretamente no computador e pode ser acessada remotamente pelo prontuário eletrônico ou impressa, na hora, para pacientes e médicos.

A tecnologia otimiza os processos de diagnóstico e reduz custos, já que dispensa uso dos produtos reveladores de fotografias e filmes especiais. Hoje, a sala escura, necessária para revelação das radiografias virou depósito de filmes negativos. Eles voltarão para a fábrica intactos, assim como o restante dos reveladores a base de metol, hidroquinona, carbonato de sódio, sulfito de sódio e brometo de potássio, entre outros produtos químicos, altamente poluentes para o meio ambiente.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Show Buttons
Hide Buttons