Fábrica de resina da Greenplac inicia fase teste

A inauguração oficial será em março

0

A Greenplac, subsidiária do Grupo Asperbras, se prepara para a sua nova fábrica de resina, que tornará a empresa 100% autossuficiente na produção desta matéria-prima. A inauguração oficial será em março, mas as operações testes iniciaram na unidade logo na primeira semana de janeiro.

Recentemente, a empresa foi premiada pela Fiems (Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul). O Gran Colar da Ordem do Mérito Industrial foi entregue ao empresário José Roberto Colnaghi. O presidente do Conselho de Administração da Asperbras foi homenageado por instalar a Greenplac no município de Água Clara (MS) em julho de 2018. A mais moderna fábrica de MDF do país transformou a economia local, fortaleceu o comércio e aqueceu o mercado imobiliário.

Indústria química

Leia Também
1 De 221

Essa é a primeira incursão do Grupo Asperbras na indústria química e faz parte da estratégia para promover a autossuficiência em seus negócios. De acordo com José Roberto Colnaghi, a empresa bateu recorde de produção no primeiro ano de atividade, conquistando 165 pontos de vendas de MDF em todo o Brasil. “Sabíamos que a empresa tinha o potencial para crescer ainda mais, por isso, decidimos que o próximo passo seria a produção de resina”, conta o empresário.

Complexo Greenplac

Construída em Água Clara, no Mato Grosso do Sul, o complexo industrial da Greenplac impressiona. São 510 mil m² somente da fábrica de MDF. Além disso, conta com uma linha de produção automatizada e composta com o que há de mais moderno no maquinário, fornecido pela empresa alemã Siempelkamp. Já a nova fábrica de resina conta com 2,5 mil m² construídos, capacidade de produção total de 160 toneladas/dia.

Greenplac,, da Asperbras

De acordo com José Roberto Colnaghi, o início das atividades da nova fábrica de resina trará independência para a empresa. Todos os materiais utilizados na composição do MDF serão de fabricação própria. Além da resina, a Greenplac já utiliza madeira proveniente dos 12 mil hectares de plantações de eucalipto próprias, produz energia elétrica em Guarapuava (PR), gerada a partir de biomassa, por meio da queima de rejeitos da madeira e aproveita água de reuso de fontes próprias.

“Esse é um grande passo para a consolidação da empresa, que já está entre os grandes players do segmento no Brasil”, diz José Roberto Colnaghi.

Expectativa para 2020

De olho no futuro, as novidades da Greenplac não param por aí. Em 2020, a empresa construirá mais uma fábrica, dessa vez com foco na produção de formol. A inauguração da nova planta está prevista para agosto de 2020.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Show Buttons
Hide Buttons