Hospital Estadual de Formosa comemora a marca de 3.000 partos realizados

O cuidado à mãe e ao recém-nascido é prioridade da equipe multiprofissional do HEF

0

Colaboradoras do HEL comemoram 3 mil partos realizados na unidade do Governo de Goiás

O Hospital Estadual de Formosa (HEF) alcançou recentemente a marca de mais de 3 mil partos desde o início da gestão do IMED (Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento), reforçando sua vocação em priorizar o bem-estar das gestantes e de seus bebês. A unidade é referência em atendimento obstétrico humanizado às futuras mamães da cidade de Formosa e dos municípios do entorno.

Mensalmente o hospital realiza, em média, mais de 100 partos, considerando procedimentos de partos normais e cesarianos. “O centro obstétrico é o início de tudo. É na maternidade que temos o primeiro sopro de vida! A felicidade de estar no HEF, pelo IMED, desde 2020, no início da gestão, vendo o crescimento do centro obstétrico é muito gratificante. Pensar que 3 mil vidas passaram por aqui, pelas nossas mãos, é algo lindo e que aquece o coração”, ressalta Stefany Caixeta, enfermeira supervisora do HEF.

Leia Também
1 De 386

Na unidade de Formosa, as gestantes contam com uma estrutura preparada para oferecer o que há de melhor nessa área. O centro obstétrico possui duas salas de parto com camas especiais, sanitários individualizados e área externa para caminhada.

As futuras mães têm à sua disposição diversas terapias que ajudam no alívio do desconforto pélvico, ocorrido pelas dores provocadas com as contrações do trabalho de parto. O tratamento humanizado usa métodos não farmacológicos que incluem exercícios com aparelhos específicos, aromaterapia, musicoterapia, entre outros cuidados que confortam e estabilizam fisicamente e mentalmente a mulher nesse momento tão especial da sua vida.

Humanização no atendimento

Outro diferencial da unidade é o projeto “Árvore da vida”, um registro do “carimbo” da placenta que acolheu o bebê. Nesse processo, a equipe realiza a higienização e retira todo o excesso de sangue proveniente do parto. Depois, o órgão é pintado com tintas e carimbado no papel, onde são escritos votos para o recém-nascido, eternizando esse momento único e especial para a família. Essa ação faz parte de todo trabalho de parto humanizado que a equipe mantém no HEF.

As gestantes que são atendidas no HEF também recebem orientações sobre o aleitamento materno, um processo que envolve interação profunda entre mãe e filho.

“Desde julho de 2020, quando iniciei minha trajetória na IMED como enfermeira assistencial, eu acompanho todo o crescimento do fluxo na maternidade. A transformação das equipes com enriquecimento de vivências e aprendizado é incrível. Hoje, como coordenadora do centro obstétrico e ALCON, sigo com o olhar de um trabalho humanizado, voltado ao aperfeiçoamento de capacitação das equipes dando continuidade ao cuidado voltado às mulheres que chegam até nós diariamente”, destaca a coordenadora Mariana Granado.

Assessoria de Comunicação
Sthefane Silva – sthefane.silva@ecco.inf.br
61 98363-4018

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Show Buttons
Hide Buttons